Torino Marques: “Governo  Bela Adormecida precisa acordar prá realidade” | 25/10

bela adormecida

Bela Adormecida e a realidade

O deputado estadual Torino Marques classificou o governador Renato Casagrande e seu governo de “Bela Adormecida” em discurso na Assembleia Legislativa/ES.

O deputado Torino mostrou-se indignado  com a situação da segurança estadual, destacando, dentre outros problemas, o avanço da criminalidade e a violência também no interior.

Ele citou a chacina e, poucos dias depois, o assassinato de duas crianças na mesma localidade, em Braço do Rio, Distrito de Conceição da Barra. Foi aí que ele pediu ao governador que “acorde pra realidade do povo capixaba”. Ele se referiu, também, aos mais de 20 homicídios e dez tentativas registrados em vários lugares do Espírito Santo no  fim de semana.

“Faço um apelo veemente em nome da população capixaba: que esse governo “BELA ADORMECIDA” acorde para a realidade. Que o Estado se faça mais presente. Que haja mais policiamento e ronda ostensiva. Que haja aumento do efetivo policial. Que haja uma política mais justa de salários para os policiais civis e militares. Que haja mais integração e grupos de combate ao crime” – destacou o deputado.

Torino voltou a falar, também, da censura que sofreu nas redes sociais, porque usou seu direito à liberdade de expressão e de orientar a população.

No dia  um vídeo dele resumindo a audiência pública sobre vacinação obrigatória contra covid-19  em adolescentes, foi retirado do You Tube. “Quero ver quem  dentre nós, aqui, vai levar seu filho ou neto pra uma vacina experimental” – indagou ele ao plenário.

Torino-Marques-OrdinariaVirtual06072020Assessoria.jpg
Torino Marques

Veja íntegra do discurso do deputado Torino Marques:

“Senhor presidente, caros colegas,
Dia 13, semana passada, eu trouxe a este Plenário uma grave denúncia de atentado ao direito constitucional de liberdade de expressão, e a este Poder Legislativo.
Denunciei uma censura covarde a uma publicação minha, numa peça de prestação de contas deste mandato. Foi na rede social do YOUTUBE.
Na ocasião, pedi providências, na forma de uma reação,  repudiando o desrespeito a este Poder. A censura que me atingiu diretamente, PODERIA, E PODERÁ atingir doravante QUALQUER DEPUTADO NESTA CASA.
O que eu peço é RESPEITO pela Constituição do Brasil, pela Constituição do Estado do Espírito Santo, pelo meu mandato de Deputado Estadual. Peço respeito para com a população do nosso Estado – e com os nossos eleitores. Como vemos, o alcance vai muito além. Não é uma questão pessoal.
No vídeo censurado pelo YOUTUBE, o conteúdo resumia a audiência pública que esta Casa realizou dias antes. Eram depoimentos e opiniões de alto nível, de PROFISSIONAIS QUALIFICADOS. Eram esclarecimentos importantes sobre a vacinação em crianças e adolescentes.

Não era uma peça contra a vacinação. Tratamos do óbvio: as famílias têm o direito de saber todos os lados da questão. A internet está mostrando todo dia jovens, vítimas repentinas de morte súbita pós-vacinação. As famílias têm o direito de questionar e saber, SIM.

Quem de nós aqui entregaria seu filho ou neto para uma experiência biológica de consequências ainda desconhecidas? O povo não é obrigado a acreditar que só um lado está certo. É assim que eu penso, diz Marques.

A censura ao meu vídeo não atinge apenas o deputado Torino Marques. Seja um de nós – ou qualquer outro cidadão, de  esquerda, direita ou apolítico. TODOS TÊM O DIREITO À INFORMAÇÃO E LIBERDADE DE EXPRESSÃO. A peça censurada era de UTILIDADE PÚBLICA.

Por tudo isso, volto a pedir que esta Casa analise mais detidamente este fato, que é uma censura DECLARADA ao LEGISLATIVO CAPIXABA.

Senhor presidente – vivemos mais um fim de semana triste para a segurança dos capixabas. Foram registradas mais de 20  mortes violentas no Estado. A verdade é que todos nós adoraríamos viver no Espírito Santo da propaganda do governo Casagrande. Pelo que se vê, ele governa um outro Espírito Santo, em outra dimensão.
Dirijo-me aos colegas deputados Assumção e Danilo Bahiense, ambos oriundos da Segurança estadual, e pergunto: tem como a população se sentir segura? Tem como ficar pior?
Nosso povo está refém da violência crescente, que deveria merecer mais atenção do Estado. O capixaba ainda sonha com esse prometido ESTADO PRESENTE! Mas que seja presente de VERDADE.
O mais recente esforço neste sentido foi a inauguração do Centro de Proteção às mulheres vítimas de violência de Vitória, a Casa Rosa. Só que esta é uma  inciativa do Prefeito Lorenzo Pazolini.

A questão é que, além de proteger, o poder público precisa ACOLHER as mulheres vítimas de violência. Eu peço que autoridades de todo o Estado conheçam a proposta daquele projeto, que pode significar um avanço considerável.

Quero lembrar aqui pedidos e indicações minhas ao Governo para melhorar a segurança da população.Neste ano já solicitei mais ronda, patrulhamento e equipes de segurança para vários bairros de Vila Velha.

Intercedemos pelos bairros Ilha das Flores, São Torquato, Paul, Argolas, Vila Garrido, Vila Batista, Santa Rita, Primeiro de Maio – dentre tantos outros. Pedimos, em caráter de urgência reforço de segurança para o Distrito de Braço do Rio, em Conceição da Barra.

Em poucos dias tivemos ali uma chacina e agora mais duas crianças inocentes foram assassinadas. Onde isso vai parar, governador?

Pedimos mais segurança para a Grande Bela Aurora, em Cariacica e Santo Antonio, em Vitória. Estive com o presidente da Comissão de Segurança da Grande Jardim América, o PM Ildevan Menezes. Estive com o líder comunitário do bairro, o PM Arilton Rapozo: em todo lugar, A SEGURANÇA PEDE SOCORRO.

Faço um apelo veemente em nome da população capixaba: que este governo “BELA ADORMECIDA” acorde para a realidade. Que o Estado se faça mais presente. Que haja mais policiamento e ronda ostensiva. Que haja aumento do efetivo policial. Que haja uma política mais justa de salários para os policiais civis e militares. Que haja mais integração e grupos de combate ao crime.

Finalmente:  Reaja, meu Espírito Santo!”

NEC = Nota do Editor Chefão – Conforme declaração de princípios do Portal Don Oleari, defendemos a ciência, a informação, a orientação e somos favoráveis às vacinas prescritas me todas as circunstâncias.

Nosso lema é: Vacina no braço pra voltar ao abraço depois do cotovelaço.

Bela Adormecida
Bela Adormecida
Bela Adormecida
Bela Adormecida
Bela Adormecida
Bela Adormecida
Bela Adormecida

Bela Adormecida

COMPARTILHE:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on whatsapp
Don Oleari - Editor Chefão

Don Oleari - Editor Chefão

Radialista, Jornalista, Publicitário.
Don Oleari Corporeitcham