Quem somos[email protected]

Search
Borgonha

Maurício Ferro: Investimento em vinho da Borgonha dá mais retorno que a Bolsa de Valores | 19/6

Borgonha

taca-de-vinho-e-pedra-azul-1-300x214-1.jpg
Foto: Fábio Vicentini
don-oleari-novo-don-corleone-redimensionada-1-1-182x300-1.jpeg
don oleari, “engólogo”

Coluna

MEU VINHO

MINHA VIDA

Don Oleari

Escassez e complexidade fizeram do Pinot Noir um novo símbolo de status.

Texto de Maurício Ferro (*)

Os colecionadores de vinho gostam de proclamar que “todos os caminhos levam à Borgonha”, mas se esquecem de que no inicio do sues hobbies nem sempre se tomavam os melhores tintos da região. Na América do norte e na Austrália, o caminho de entrada no mundo do vinho são os vinhos pesados e alcoólicos que têm gosto de ameixa, ou amora.  Carregam a marca de baunilha, ou mocha de barris de carvalho e devem ser bebidos dentro de alguns anos após o engarrafamento.

À medida que se  ganha experiência, naturalmente começa-se a procurar opções francesas de menor octanagem, como  Cabernet Sauvignon de Bordeaux, em vez de Napa Valley norte americano; Rhône Syrah em vez de Barossa Shiraz da Australia. Mas, quando se valoriza a complexidade e a delicadeza sobre o potência, seu destino leva a Borgonha.

O conhecimento enciclopédico do vinho na Borgonha é mais valorizado no mundo do vinho. A região francesa é dividida em centenas de vinhedos. Por sua vez, uma miríade de produtores possui linhas específicas dentro de cada vinhedo, a partir das quais todos eles fazem vinhos únicos. Isso leva a produção anual de no máximo poucas milhares de garrafas de vinho.

Além disso, o tinto da Borgonha consiste na uva de Pinot Noir, uma uva com um padrão de envelhecimento enlouquecedor. Após alguns anos de armazenamento esta uva tende a “desligar” e perder o sabor e floresce depois de algumas décadas. Mas, por vezes, nunca “acorda” do sono, o que torna o desafio desta uva ainda maior.

No passado, a complexidade e a pequena produção da Borgonha a relegaram a um nicho de mercado. Bordeaux, que produz menos vinhos diferentes em lotes maiores, tornou-se popular na Ásia e os preços decolaram. Mas, em 2012, quando o governo da China proibiu presentes luxuosos a bolha do vinho estourou e as vendas para a Asia diminuíram drasticamente.

Assim, à medida que a preferência do Bordeaux diminuiu na Ásia e no Ocidente, ganhou importância dominar o tinto da Borgonha. Porém, a vasta gama de vinhos desta região, com raridades tão escassas quanto 300 garrafas por ano, tornam os dados de preço difíceis de encontrar. Entre as centenas de belos tintos da Borgonha, o mercado global do Liv-ex, por exemplo, inclui apenas 11 em seu índice regional de preços. Ou seja, uma combinação de pouca produção, vasta variedade e pouco conhecimento leva a uma escalada constante dos preços dos vinhos da Borgonha.

Em termos financeiros, a valorização dos tintos da Borgonha para os produtores cresceu aceleradamente nos últimos 20 anos. Entre 2003 e 2018, os tintos da Borgonha retornaram em média 497%, contra 279% do S&P 500 (bolsa de valores americana) e 214% do tinto de Bordeaux e do Champagne. É claro que estas comparações são sempre passiveis de crítica, mas o que se deseja mostrar é a evolução do retorno financeiro do investimento nos vinhos tintos da Borgonha. O índice do Borgonha também tem sido menos volátil do que as ações, embora isso possa ser um defeito da metodologia do seu cálculo.

É difícil entender como a Borgonha pode manter tal apreciação. Muitas pessoas podem comprar uma garrafa de US$ 300. Mas a US$ 3.000, o mercado depende dos caprichos dos mais abonados. Mesmo que os preços das ações da bolsa tendam a subir, será difícil bater o retorno financeiro dos produtores de tinto na Borgonha.

Como exemplo, os conglomerados de luxo Kering e LVMH, cujos proprietários compraram vinhedos da Borgonha, tiveram retorno do investimento de 958%, entre 2003 e 2018, em contrapartida a 2% de rendimento com os dividendos pagos pelos conglomerados nos últimos anos. Dito isso, podemos concluir que a melhor maneira de ganhar dinheiro na Borgonha é provavelmente fazer vinho, não comprá-lo.

 mauricio-ferro-1.jpg 19 de junho de 2023 2 KB(*) Maurício Ferro é advogado, formado pela PUC do Rio de Janeiro, com mestrado e especializações realizadas em universidades como a London School e University of London. Cursou OPM na Harvard Business School.

Borgonha

Editado por Don Oleari – [email protected] | https://twitter.com/donoleari

Priscilla Dal Lago: Vinhos biodinâmicos, naturais, orgânicos e veganos: quais as diferenças? | 18/6

Manicure | Débora Ferreira conta como superou obstáculos até se tornar designer da maior esmalteria do mundo | 19/6

Vasco ganha cachaça oficial com embalagem que remete ao uniforme do clube | 19/6

COMPARTILHE:

Don Oleari - Editor Chefão

Don Oleari - Editor Chefão

Radialista, Jornalista, Publicitário.
Don Oleari Corporeitcham

diagonal-coluna-do-oleari.png
Vacinação

Por Alda Luzia Pessotti –

Fui ao Posto de Saúde de Jardim da Penha, zona norte de Vitória, a capital do Espírito Santo.

Hoje é dia Nacional de Vacinação em todos os postos de saúde.


vacina-jardim-da-penha-outra.jpg
13 de abril de 2024
5 KBVacinas contra Influenza, Covid e Poliomielite. A programação vai até 17 horas.

Atendimento ótimo no posto do em Jardim da Penha.
Fiz a foto com pessoas esperando para vacinar e a secretária Municipal de Saúde, Magda Cristina Lamborghini com o Zé Gotinha (Alda Luzia Pessotti).

Posto de Saúde

Edição, Don Oleari – [email protected] | https://twitter.com/donoleari

http://www.facebook.com/oswaldo.oleariouoleare

Antuerpia, cervejas premiadas

Quem mudou, mudou!

Santorio no PP – 5/4

Baixo Guandu: Lastenio no MDB

Lastenio, avô de primeira!

Antuerpia

Uma nota que dou com muito gosto, apesar do “desgosto” de não poder ter ido.

Vi num poderoso grupo de uatizapi ligado à Associação dos Moradores da Praia do Canto, Vitória/ES, uma nota sobre cervejas premiadas, inclusive de Colatina, nossa terra.

antuerpia-chope-200.jpg 7 de abril de 2024 10 KBA nota me atiçou.

Através da amiga @Martha Pimenta, soube da Antuerpia Cervejaria. Agora, minha agenda infernétiva anotou em tom de vermelho & preto bem forte:

Programar para conhecer a Cervejaria na primeira brecha.

A foto do grupo de cervejeiros degustando da capa me foi repassada pelo @Hudson Ruela.

 Antuerpia

Edição, Don Oleari – [email protected] | https://twitter.com/donoleari

http://www.facebook.com/oswaldo.oleariouoleare

Quem mudou, mudou!

Santorio no PP – 5/4

Baixo Guandu: Lastenio no MDB

Lastenio, avô de primeira!

Baby e Eller

Quem mudou

Por Alexsandro Eller –

calendario-2.jpg 5 de abril de 2024 4 KBCalendário eleitoral fechou a janela de mudanças de partidos. Mudou, mudou.

Um vai pra cá, vai pra lá, que é aquele horror da lei eleitoral.

Mas as datas estão aí (Alexsandro Eller).

Quem mudou

Edição, Don Oleari – [email protected] | https://twitter.com/donoleari

http://www.facebook.com/oswaldo.oleariouoleare

Santorio no PP – 5/4

Baixo Guandu: Lastenio no MDB

Lastenio, avô de primeira!

Baby e Eller

Perdemos! Alexandre Lima se foi

no PP

Por Alexsandro Eller –

Pano de Fundo | Política – Bastidores

O médico Fernando Santório, neto do ex-prefeito de Cariacica Vicente Santório Fantini, se filiou ao Partido Progressistas.

Santório se prepara para concorrer a uma vaga na Câmara de vereadores de Cariacica.

Na foto, Fernando e o presidente do PP de Cariacica, Sandro Locutor.

no PP

Edição, Don Oleari – [email protected] | https://twitter.com/donoleari

http://www.facebook.com/oswaldo.oleariouoleare

Baixo Guandu: Lastenio no MDB

Lastenio, avô de primeira!

Baby e Eller

 

Lastenio no MDB

Lastenio no MDB

Prefeito de Baixo Guandu, Lastênio Cardoso, já contava com o apoio do MDB para sua campanha à reeleição.

ssinatura-de-lastenio-no-mdb-a-de-200.jpg 4 de abril de 2024 7 KBAgora, a partir desta noite de quinta-feira, Lastenio não só conta com esse apoio, mas ele próprio acaba de se filiar ao MDB, de cujo partido é o vice-prefeito Patrick Favarato.

Sua filiação contou com o prestígio da presença do presidente do Diretório do MDB do ES, o vice-governador Ricardo Ferraço, como também com a presença do pré-candidato a prefeito de Vitória, a capital, de Sebastião Pelaes, um emedebista com 45 anos de partido.

Seu irmão Antonio Pelaes foi vice-prefeito de Vitória com o então prefeito Hermes Laranja, outro histórico emedebista (Don Oleari).

Lastenio no MDB

Edição, Don Oleari – [email protected] | https://twitter.com/donoleari

http://www.facebook.com/oswaldo.oleariouoleare

Lastenio, avô de primeira!

Baby e Eller

Perdemos! Alexandre Lima se foi

Maria de Lourdes Lessa

De Pedra Azul pra Mimoso do Sul

avô de primeira

O amigo Pelaes (***)  me mandou a foto do avô de primeira, prefeito de Baixo Guandu, Lastenio Cardoso.

gadita-com-lelo-e-pelaes-1-1-300x206-1.jpg3 de abril de 2024 7 KB 200 por 137 píxeis
Pelaes, Lelo e Gadita

Lastenio, feliz da vida, com a primeira netinha, a Cecília, que aterrisou no planetinha neste dia 1º de Abril. Tudibão pra Cecília e pra toda a família. Pro avô de primeira viagem, o abração da tchiurma do donoleari.com.br = Don Oleari Portal de Notícias.

(***) Sebastião Pelaes, pré-candidato a prefeito pelo MDB em Vitória – acompanhou o amigo prefeito Lastenio Cardoso, de Baixo Guandu/ES, durante os dois dias que ele passou aqui no fim de semana.

avô de primeira

Edição, Don Oleari – [email protected] | https://twitter.com/donoleari

http://www.facebook.com/oswaldo.oleariouoleare

Baby e Eller

De Pedra Azul pra Mimoso do Sul

Perdemos! Alexandre Lima se foi

Maria de Lourdes Lessa

 

 

Baby e Eller

Nelson Baby, presidente do diretório municipal do PCdoB de Cariacica/ES, e Alexsandro Eller, nosso colaborador, se encontraram e falaram sobre o quê?

euclerio-e-baby-1.jpg 30 de março de 2024 6 KBSobre política e sobre futuro do município. Esses dois devem ter informações que não chegaram nem ao colunista Ronaldo Chagas Freitas nem aqui na redação.

Mas horinha dessas eles vão nos contar, ah, isso vão! Ronaldo tá monitorando os dois. A foto deles foi feita depois desse encontro aí, da alta direção do PCdoB com o prefeito Euclerio Sampaio (Don Oleari).

Baby e Eller

democracia.”

Edição, Don Oleari – [email protected] | https://twitter.com/donoleari

http://www.facebook.com/oswaldo.oleariouoleare

Perdemos! Alexandre Lima se foi

Maria de Lourdes Lessa

De Pedra Azul pra Mimoso do Sul

Feira de arte sacra

Aboudib toma posse na AESL

Perdemos

alexandre-lima-recortada.jpg 28 de março de 2024 5 KB

 

Enfim, foram anos de, a cada dia, uma lembrança dele, um músico, um líder, um empreendedor.

Nesta quinta-feira, Alexandre se despediu definitivamente da família, dos amigos, dos admiradores.

Perdemos

Edição, Don Oleari – [email protected] | https://twitter.com/donoleari

http://www.facebook.com/oswaldo.oleariouoleare

Maria de Lourdes Lessa

De Pedra Azul pra Mimoso do Sul

Feira de arte sacra

 

a-nota-de-senhora-lessa-a-de-capa.jpg 28 de março de 2024 25 KB

a-nota-de-senhora-lessa.jpg 28 de março de 2024 18 KB

Recebi do nosso prezado parceiro e colaborador, professor José Antonio Bof Buffon.

Nosso abraço solidário a amigos e familiares.

 

Maria de Lourdes

Edição, Don Oleari – [email protected] | https://twitter.com/donoleari

http://www.facebook.com/oswaldo.oleariouoleare

 

 

De Pedra Azul pra Mimoso do Sul

Feira de arte sacra

Isso é que é “eleição”: Rússia

Mimoso do Sul

Por José Coco Fontan –

Movimento da Comunidade de Pedral Azul, município de Domingos Martins.

marmitex-pedra-azul.-180.jpg 26 de março de 2024 13 KB 180 por 294 píxeisA programação é mandar 1000 marmitex por dia para as comunidades de Mimoso do Sul, Sul do Espírito Santo.

O Higor Dordenone Beltrame me disse que se trata de um trabalho da Paróquia de Nossa Senhora de Fátima de Pedra Azul, distrito de Aracê, município de Domingos Martins.

A comunidade espera cumprir esse objetivo essa até que as coisas voltem ao normal lá no Sul (José Coco Fontan).

 

 

Mimoso do Sul

Edição, Don Oleari – [email protected] | https://twitter.com/donoleari

http://www.facebook.com/oswaldo.oleariouoleare

Feira de arte sacra

Isso é que é “eleição”: Rússia

Mídia ao Molho | CBN e a Rádio Capixaba

Feira de arte sacra

Aboudib toma posse na AESL

 

Posts Relacionados