Quem somos[email protected]

Search

Camila Valadão X Capitão Assumção | Edilson Lucas do Amaral | 10/1

Remover termo: Camila Valadão X Capitão Assumção Camila Valadão X Capitão Assumção
pano-de-fundo.jpeg
pano de fundo | bastidores políticos

Camila Valadão X Capitão Assumção

Camila Valadão X Capitão Assumção, dois polos opostos de um amplo campo magnético com um alvo comum.

Coluna

PANO DE FUNDO |

Edilson Lucas do Amaral

edilson-lucas-do-amaral-coluna-pdo-1-300x159-1-1-1-1-esta-e-que-vale-1.jpeg 27 de setembro de 2023 9 KB
edilson lucas do amaral

No alvorecer deste novo ano, o tabuleiro da política se agita e entre os jogadores deste cenário está um par de pré-candidatos: a destemida deputada Camila Valadão e o enérgico Deputado Capitão Assunção, cujas ideologias parecem se chocar como polos opostos de um imenso campo magnético.

Resolvi investigar as principais aparições desses dois contendores na imprensa local, após anunciarem suas intenções para a próxima disputa eleitoral. Tal análise visava decifrar suas posturas em relação à iminente eleição para prefeito de Vitória, uma contenda que se anuncia como a mais acirrada das últimas décadas.

Cumpre salientar que o PSOL de Camila Valadão abarca múltiplas vertentes ideológicas. A própria deputada declara-se como socialista ecológica, alinhando-se a uma linha de pensamento que busca o bem social em harmonia com a plenitude da natureza.

Por outro lado, o PL se ergue como um partido conservador, defensor das tradições, que busca no conservadorismo sua base ideológica para a vida de cada cidadão.

Os discursos proferidos pelos dois candidatos, veiculados nos jornais capixabas, sinalizam estratégias de posicionamento ideológico e partidário, e ademais denotam críticas pontuais à atual administração, todos eles envoltos em propostas elaboradas e precisas.

O Capitão Assumção, cujas pegadas buscam um caminho distante dos extremos, um percurso que surpreendentemente tangencia o centro-esquerda. Suas declarações reverberam a busca por uma sinfonia entre os opostos, almejando uma fusão entre direita e esquerda, um harmonioso concerto político que ecoa a promessa de erradicar o comunismo, erradicar a corrupção e lapidar a segurança pública.

No entanto, em meio a esse compasso, defronta-se com embates onde se sente restringido, num palco onde se defende de acusações, erguendo seu escudo para refutar o rótulo de racista, e, como um trovador de direitos, entoa seu compromisso como defensor dos direitos humanos.

Por sua vez, Camila Valadão é dona de um discurso encorpado, entrelaçado por críticas incisivas à atual gestão. Ela tece sua narrativa direcionando olhares compassivos aos desfavorecidos e à preservação ambiental, comprometendo-se a enfrentar a desigualdade social, lapidar a educação, enaltecer a cultura e, acima de tudo, rechaçar veementemente a perseguição aos que almejam uma morada digna.

Seus dizeres transpiram a celebração pela inclusão do feriado do Dia da Consciência Negra, além de exalarem a resiliência e a formulação de novos desígnios para o ciclo vindouro

Esses dois postulantes, erguendo suas bases eleitorais na pré-campanha, estabelecem suas ideologias e posicionamentos partidários, expondo as fragilidades da administração vigente. Contudo, é evidente que se encaminham para uma disputa árdua durante a campanha e o prefeito atual se posiciona como o alvo a ser derrotado nesse embate desafiador.

Como analista, não posso deixar de observar os embates que se aproximam. O fato é que a batalha não se anuncia fácil. Enquanto observo os movimentos dos contendores, não invejo a posição do prefeito Pazolini.

Grandes desafios se avizinham, resta saber se os contendores saberão direcionar seus golpes para atingir as vulnerabilidades do atual prefeito e consolidar suas posições na preferência do eleitorado. O alvo a combater é o Prefeito Lorenzo Pasolini. Quem imaginaria PL e PSOL afinados com um mesmo propósito, uma mesma pauta?

A seguir, a resenha que fiz sobre a presença de Camila Valadão X Capitão Assumção na imprensa. Na nossa Coluna PANO DE FUNDO | Bastidores políticos, a redação do Don Oleari PN apurou oito aparições do Capitão Assumção. Camila Valadão apareceu sete vezes. Nos demais, veículos apurei o que se segue (Edilson Lucas do Amaral).

NEC = Nota do Editor Chefão, Don Oleari | Foto de capa segue a ordem do texto do comentarista. Como a pesquisa feita por ele na imprensa da sede da Capitania do ES (Don Oleari).

Camila Valadão X Capitão Assumção

CAPITAO-ASSUMCAO-EDILSON-1-1-1-1.jpg 20 de setembro de 2023 22 KB
Assumção

Capitão Assumção apareceu nas seguintes datas:

– Folha Vitória – 12/12/2023 – Confirma pré-candidatura à Prefeitura de Vitória

– A Gazeta – 13/12/2023 – Propõe unir direita e esquerda em Vitória

– Folha Vitória – 20/12/2023 – Compromete-se a combater o comunismo em Vitória

– A Gazeta – 21/12/2023 – Assegura acabar com a corrupção em Vitória

– Folha Vitória – 27/12/2023 – Promete melhorar a segurança pública em Vitória

– A Gazeta – 8/01/2024 – Pede voto a Coser, mas perde Comissão de Direitos Humanos para Camila

– Folha Vitória – 7/01/2024 – Defende-se do argumento de ser militar usado contra ele

– A Gazeta – 29/12/2023 – Afirma não ter medo de divergência política

– Folha Vitória – 28/12/2023 – Declara ter sido impedido de falar na Comissão de Direitos Humanos

– A Gazeta – 27/12/2023 – Alega ter sido alvo de perseguição durante a campanha

– Folha Vitória – 26/12/2023 – Refuta acusações de racismo

– A Gazeta – 25/12/2023 – Reitera ser defensor dos direitos humanos

– Folha Vitória – 24/12/2023 – Aponta ser vítima de perseguição política

Camila Valadão X Capitão Assumção

camila-valadao.jpg 24 de junho de 2023 4 KB
camila

Camila Valadão apareceu nas datas a seguir:

– Folha Vitória – 14/12/2023 – Anuncia pré-candidatura à Prefeitura de Vitória

– A Gazeta – 15/12/2023 – Prioriza os pobres e o meio ambiente em seu plano

– Folha Vitória – 21/12/2023 – Compromete-se a combater a desigualdade social em Vitória

– A Gazeta – 22/12/2023 – Promete melhorias na educação em Vitória

– Folha Vitória – 28/12/2023 – Valoriza a cultura em Vitória

– A Gazeta – 8/01/2024 – Critica a perseguição a quem luta por moradia digna

– Folha Vitória – 7/01/2024 – Celebra a inclusão do feriado do Dia Nacional de Zumbi e da Consciência Negra

– A Gazeta – 29/12/2023 – Renova as energias e delineia planos para 2024

– Folha Vitória – 28/12/2023 – Parabeniza a inclusão do feriado do Dia Nacional de Zumbi e da Consciência Negra

– A Gazeta – 27/12/2023 – Destaca a importância de ampliar políticas públicas para todos

– Folha Vitória – 26/12/2023 – Reclama de ataques recebidos durante a campanha

– A Gazeta – 25/12/2023 – Refuta argumento de falta de experiência política

– Folha Vitória – 24/12/2023 – Informa ter feito pós-graduação em divergência política na Câmara de Vitória

Camila Valadão X Capitão Assumção

Edição, Don Oleari – [email protected]

https://www.facebook.com/oswaldo.oleariouolearehttps://twitter.com/donoleari

Membros dos Conselhos Tutelares de Itacibá, Cariacica-Sede, Castelo Branco, V. Palestina tomam posse nesta quarta, 10

Perdemos: Teodorico Boa Morte, nome da cena cultural da Serra/ES, partiu aos 73 nos

Dinetec | Dia de Negócios e Tecnologia, em Canarana-MT, apresenta distribuidor mecânico Nidus 12000

Fome de Democracia | Renato Fischer | 9/1

Está criado e decretado o Ponto de Iniciação | Renato Fischer | 8/1

 

Don Oleari - Editor Chefão

Don Oleari - Editor Chefão

Radialista, Jornalista, Publicitário.
Don Oleari Corporeitcham

Posts Relacionados