Comissão de Agricultura vai acompanhar resultados do Plano Estadual de Segurança Rural | 7/6

Comissão de Agricultura

Comissão de Agricultura

Durante reunião da Comissão de Agricultura da Assembleia Legislativa, a deputada e presidente da Comissão Janete de Sá solicitou, como forma de acompanhar e fortalecer os trabalhos do Plano Estadual de Segurança Rural, que a Secretaria de Segurança encaminhe mensalmente para o colegiado os resultados do trabalho.

A parlamentar também sugeriu que o Estado faça trabalho educativo com as crianças e adolescentes nas escolas do interior e promovam treinamento para juventude antes do início da colheita.

“Nossa intenção é dar o máximo de visibilidade às ações que os órgãos de segurança pública vêm implementando, para garantir a segurança na zona rural em todos os municípios de nosso ES”, declarou a parlamentar na abertura dos trabalhos.

Lançado em março deste ano, o objetivo do plano é reduzir o número de crimes no campo e aumentar a proteção da população rural. As ações e estratégias do trabalho no ES foram apresentadas pelo subsecretário de Gestão Estratégica da Secretaria de Segurança (Sesp) Coronel Antônio Marcos de Souza Reis.

“O ES quer se tornar referência nacional nas ações de segurança no meio rural. Esse plano é pioneiro no País e o governo investiu mais de R$ 1,5 bilhão em viaturas e equipamentos para as polícias Civil, Militar e Bombeiros Militares, além de construção e reforma das unidades, entre outros pontos, para ampliar a capacidade de resposta às ocorrências. Uma das principais novidades é a criação da Delegacia Especializada em Crimes Rurais na Polícia Civil, que terá 7 núcleos nos municípios de Aracruz, Cachoeiro de Itapemirim, Colatina, Linhares, São Mateus, Nova Venécia e Venda Nova do Imigrante, para elucidar crimes  e apresentar rápida resposta para a população rural”, explicou o subsecretário coronel Souza Reis.

Furtos de gado e café

“O sucesso do plano não depende só da atuação das polícias. A população e os municípios precisam se envolver para garantir a retomada sensação de segurança no campo, uma vez que no período da pandemia da Covid-19, os casos de furtos de gado, de equipamentos, sacas de café, pimenta do reino, assaltos, se agravaram em nosso Estado. Uma população informada é uma população fortalecida”, afirmou a deputada Janete.

Inédito no Estado, o Plano Estadual de Segurança Rural atua em quatro eixos principais: infraestrutura, inteligência, operação e inovação. Além disso, a Delegacia Especializada em Crimes Rurais passa a contar com núcleos de investigação em todas as regiões do Espírito Santo tornando as estratégias de investigação conjuntas e envolvendo todos os órgãos que têm pertinência com a temática zona rural, como o Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf), a Vigilância Sanitária do Estado, a Secretaria da Fazenda (Sefaz), o Departamento Estadual de Trânsito do Espírito Santo (Detran-ES), além do poder público municipal.

https://www.al.es.gov.br/

Vacina nasal é aposta de especialistas para o fim da pandemia Covid 19 | 6/6

Comissão de Agricultura

Comissão de Agricultura

 

COMPARTILHE:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on whatsapp
Don Oleari - Editor Chefão

Don Oleari - Editor Chefão

Radialista, Jornalista, Publicitário.
Don Oleari Corporeitcham