Roncam os motores. Vem aí a Copa Verão de Kart Amador 2022

copa verão de kart amador

Copa Verão de Kart Amador

matheus-7-1-1.png
matheus thebaldi

SPORTOTAL – Matheus Thebaldi, jornalista, desportista

Tem muito piloto profissional de automobilismo que começou no kart. A modalidade é uma paixão que, muitas vezes, começa desde criança. Pequenos e adultos se divertem nas pistas e, claro, querem ser os mais velozes.

No Estado, o kart também é uma sensação. E tem competição vindo por aí. Roncam os motores! Eles já começaram a esquentar para a Copa Verão Kurumá de Kart Amador, organizada pela Associação Fãs de Kart do Espírito Santo.

O evento será realizado nos dias 12 e 13 de fevereiro no Fãs de Kart GP Indoor, em Vitória.

A Copa Verão já está com as inscrições esgotadas, mas há uma lista de espera. Basta entrar no site www.fasdekart.com.br e enviar por e-mail.

Trail run

Das pistas de kart para as trilhas de corrida. Estão preparados para um mega desafio em um dos cartões-postais do Espírito Santo? Vem aí a etapa Pedra Azul do Uprise Brasil 2022, nos dias 5 e 6 de fevereiro.

O evento terá duas modalidades: trail run e mountain bike. Para os corredores de plantão, a prova, que será realizada no dia 6, terá três distâncias: 5, 10 e 20km.

O percurso é 80% trilha e tem um visual de tirar o fôlego. A corrida terá largada e chegada no Morangão, em Pedra Azul.

E a organização vem com novidades. Tentando ir além das expectativas e entregar um evento incrível para os participantes, foi criado o “Desafio Camisa Amarela”.

Vai funcionar assim: quem ficar em primeiro lugar geral em cada distância vai ganhar uma camisa amarela e vai automaticamente para a próxima etapa com a inscrição grátis.

Copa Verão de Kart Amador

As provas seguintes serão:

Sesc Praia Formosa – 2 e 3 de abril
Aparecidinha (Alfredo Chaves) – 9 e 10 de julho
Sesc Domingos Martins – 5 e 6 de novembro

Copa Verão de Kart Amador

Matheus Thebaldi

Jornalista (27) 99969-1596

Editado por Don Oleari

https://donoleari.com.br/

https://fasdekart.com.br/site/

Árbitra faz história no futebol capixaba!

Vanessa de Souza Guijansque é a primeira mulher a atuar como árbitra central na história da Série A do Campeonato Capixaba. Ela comandou a arbitragem da partida entre Vitória e CTE Colatina, no sábado (29), no estádio Salvador Costa.

No ano passado, considerando todas as competições profissionais no Estado, ela fez parte do primeiro trio de arbitragem feminino e, ao mesmo tempo, foi a primeira árbitra central em 19 anos. Curiosamente, a tia dela, Neide Guijansque, havia sido a última, na Série B do Campeonato Capixaba de 2002.

A última reunião antes da estreia do Capixabão 2022 ocorreu na segunda-feira (24). O presidente da Federação Espírito-Santense de Futebol, Gustavo Vieira, e demais integrantes da entidade conversaram com os representantes dos clubes sobre os ajustes finais para a bola rolar.

Valendo as duas vagas para a Série D do Campeonato Brasileiro 2023, para o campeão e vice, e uma vaga para a Copa do Brasil 2023, para o campeão, o Capixabão 2022 começou no sábado (29) com três jogos, com transmissão da TV Educativa para o confronto entre Serra e Nova Venécia. No domingo (30), dois jogos fecharam a primeira rodada.

Até sexta-feira (28), todos os elencos e membros das comissões técnicas dos clubes, além da arbitragem, foram submetidos aos testes de Covid-19.

Os jogos da rodada foram os seguintes:

Sábado (29)
Vitória x CTE
15 horas – Salvador Costa

Serra x Nova Venécia
16 horas – Robertão

Real Noroeste x Desportiva
16 horas – José Olímpio da Rocha

Domingo (30)
Rio Branco x Estrela
15 horas – Salvador Costa

Rio Branco de Venda Nova x Vilavelhense
15 horas – Olimpio Perim

Protocolos e público

A presença do público se restringe a 50% da capacidade do estádio.  Seguindo a Portaria Nº 210-R, do Governo do Estado,  será exigido do torcedor a comprovação de duas doses da vacina da Covid-19 ou dose única em caso de imunizante de uma dose.

O clube mandante também precisa realizar a aferição de temperatura nos portões e disponibilizar álcool em gel nas áreas do estádio.

Como critério para condição de jogo, também é obrigatório a comprovação da vacinação primária completa dos atletas, devendo os clubes enviar os comprovantes para a FES antes do início da competição.

 

COMPARTILHE:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on whatsapp
Don Oleari - Editor Chefão

Don Oleari - Editor Chefão

Radialista, Jornalista, Publicitário.
Don Oleari Corporeitcham