Janete de Sá propõe sistema de energia solar para prédio da AL/ES | Homenagem à agricultura | CPI dos Animais em ação | 11/9

janete-sa-comissao-de-agricultura.jpeg

Energia solar para uma Assembleia sustentável

Já está na mesa diretora da Assembleia Legislativa do ES a indicação 3181/2021 da deputada Janete de Sá (PMN), propondo a criação do Programa ALES Sustentável com objetivo de reduzir os gastos com eletricidade. A proposta visa à instalação de um sistema solar fotovoltaico para geração própria de energia.

sistema-de-energia-solar-752x440-1.jpgEnergia solar

A ideia da proposta de indicação é tornar a sede do Poder Legislativo mais sustentável e, ao mesmo tempo, criar alternativas financeiras para o alto custo das tarifas de energia elétrica.

 “A energia elétrica vem sofrendo grandes ajustes e os aumentos são exorbitantes. A energia solar depende exclusivamente da luz do sol, uma fonte de energia inesgotável.

Além disso, entre os recursos renováveis como energia eólica, energia hídrica e solar, a energia solar é a mais estável e não causa danos ao meio ambiente. Esta é uma forma de política pública que pode ser uma grande ferramenta para a economia gerada pelo poder público bem como diminuir o dano ao meio ambiente”, justificou a deputada Janete de Sá, autora da indicação.

Instaldo o sistema, o que for gerado pelo Programa ALES Sustentável será utilizada pela própria Assembleia e o excedente da energia gerada será destinado para a rede da concessionária, que devolveria os créditos à Assembleia Legislativa.

 IMG-20210901-WA0029.jpgHomenagem à agricultura do ES

A presidente da Comissão de Agricultura da Assembleia Legislativa, deputada Janete de Sá (PMN), homenageou na 30 representantes do setor agrícola capixaba na sessão solene em homenagem ao “Dia Nacional do Agricultor”.

Entre os homenageados estavam  agricultores, pesquisadores, extensionistas, representantes públicos e privados ligados ao setor e produtores rurais, que fazem da agricultura capixaba referência para o Brasil e para o mundo.

“No Espírito Santo, nossos produtores e trabalhadores rurais têm sido guerreiros, não deixando faltar alimentos para a população, neste momento de pandemia, além de garantir o desenvolvimento socioeconômico para os municípios, dos quais 80% dependem basicamente da renda rural. Somos um celeiro na produção agrícola”, falou Janete de Sá.

E acrescentou:

“O Espírito Santo se destaca em produtividade e qualidade em várias culturas, sejam elas de clima tropical ou temperado, com uma atividade cada dia mais sustentável, tendo na agricultura familiar nossa grande força. Esta sessão solene é realizada com objetivo de enaltecer e incentivar as boas práticas e ações, e de agradecer aos diversos elos da corrente que se unem para melhorar a vida de nossos agricultores”, destacou a parlamentar.

 dorval-uliana.jpg
dorval uliana

Representando o Governo do ES, o subsecretário de Estado da Agricultura, Dorval Uliana, ressaltou que a homenagem concedida pela deputada Janete de Sá é importante para o reconhecimento do trabalho de todos os agricultores

“Nosso Estado é protagonista com tantas culturas e a força de trabalho dos agricultores é fundamental para equilibrar a nossa economia. Homenagens como essa são importantes para dar visibilidade ao trabalho de todo setor agrícola capixaba”.

 superintendente-do-senar-leticia-simoes.jpg
letícia simões

Representando as mulheres rurais, a superintendente do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural do Espírito Santo (Senar-ES) , Letícia Toniato Simões destacou que é preciso união de todo o  setor agrícola capixaba  para alcançar sempre bons resultados.

“A união entre as entidades públicas e privadas é extremamente importante para os nossos agricultores, principalmente os pequenos e os de base familiar, melhorando significativamente a produtividade e a qualidade dos produtos, sejam eles de origem animal ou vegetal”, disse Letícia Toniato Simões.

bento-venturim-diz-que-sicoob-es-renegocia-divida-de-r-151-milhoes-com-agricultores-atingidos-pela-seca
bento venturim

O presidente do Sicoob, Bento Venturim, foi agraciado com a Comenda do Mérito Agrícola, honraria instituída no ano de 2018 por iniciativa da deputada Janete de Sá para homenagear aos que prestam relevantes serviços ao setor agropecuário.

Bento Venturim falou em nome de todos os homenageados na sessão.

“É preciso enaltecer esse importante reconhecimento que foi concedido às lideranças e aos pequenos produtores que contribuem para o crescimento da agricultura em nosso Estado”.

Homenageados:

1. Abraão Carlos Verdin

2. Ana Paula Ribeiro Costa Oliveira

3. Antonio Carlos do Nascimento

4. Aucelio Saluci Gama

5. Bento Venturim

6. Daniel Zibel

 malanquini.jpg
egídio malanquini

7. Egidio Malanquini

8. Elias Cassimiro Moreira

9. Eliseu Huber

10. Erasmo José Rovetta

11. Ivan Caliman

12. João Batista Pupim Vizula

13. Joazis Bellard

14. José Domingos Denadai

15. José Lafaiete Freitas de Oliveira

16. Josimar Cazotto –

17. Karina Moreira Nolasco de Carvalho

18. Leticia Toniato Simões

19. Luiz  Claudio de Souza

20. Maicon Koehler

pedro-rigo.jpg
pedro rigo

21. Márcio Cândido Ferreira

22. Mário Stella Sassa Louzada

23. Mauro Demartha

24. Olair de Almeida Lima

25. Rodrigo da Silva Dias

26. Ronei dos Anjos Vieira

27. Sheila Cristina Prucoli Posse

28. Pedro Rigo

29. Tiago Camiletti

30. Willian Dalvi Sartori

DETALHES DO ANEXO IMG-20210905-WA0001.jpgCPI resgata mais um cachorro vítima de maus tratos na Serra

Depois de receber denúncias com vídeo de um cachorro acorrentado ao relento, a presidente a CPI dos Maus-Tratos Contra os Animais, deputada Janete de Sá (PMN), deslocou uma equipe no sábado (4/9),  até o bairro Novo Horizonte, no município de Serra/ES, para averiguações.
Denúncias davam conta, também, de que o fato já tinha sido denunciado à Secretaria Municipal de Meio Ambiente da Serra e a uma vereadora há mais de uma semana e nenhuma providência fora tomada.
No local a equipe da CPI encontrou um cachorro de porte médio acorrentado de forma inadequada, em local insalubre.
O animal foi resgatado e direcionado para receber atendimento médico veterinário em uma clínica, e depois encaminhado para o abrigo, onde receberá todos os tratamentos necessários para posterior adoção responsável.
“O tutor do animal não foi encontrado na residência, senão seria levado preso. A CPI registrou um Boletim de Ocorrência Unificado (BOU) pelo recolhimento do animal, direcionado à Delegacia de Meio Ambiente para que os infratores sejam punidos de acordo com a legislação penal brasileira”.
Janete agradeceu o apoio dos policiais militares do 6º BPM  e aos protetores Roberta e Mário que ajudaram no transporte e com o lar temporário”.
Vale constar que a lei 10064/2020, vigente em nosso país, prevê reclusão de dois a cinco anos para quem pratica crime de maus-tratos.
As denúncias devem ser encaminhadas à CPI pelo e-mail: [email protected]

https://donoleari.com.br/

https://www.al.es.gov.br/

energia solar

energia solar

energia solar

energia solar

Tags

COMPARTILHE:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on whatsapp
Don Oleari - Editor Chefão

Don Oleari - Editor Chefão

Radialista, Jornalista, Publicitário.
Don Oleari Corporeitcham