Na Serra, 18 hortas comunitárias são terapia para vulneráveis e dependentes químicos

horta

Horta

HORTA AJUDA NA RECUPERAÇÃO DE PESSOAS EM SITUAÇÃO DE RUA

Texto: Marcos Sacramento –

Do site da Prefeitrua da Serra/ES

Preparar o solo, escolher as plantas, semear, plantar, regar, proteger contra as pragas, retirar ervas daninhas e colher. Manter uma horta exige dedicação e cuidados diários por parte dos responsáveis. Todo este cuidado pode contribuir nos processos de recuperação de dependentes químicos e de reinserção social de pessoas em situação de rua.

Por isso, a Prefeitura da Serra, por meio das secretarias de Agricultura e Pesca (Seap) e de Assistência Social (Semas), está desenvolvendo hortas comunitárias em espaços como o Centro Pop, que presta atendimento à população em situação de rua, e a Pequena Comunidade de Jesus (PCJ), que trata de pessoas com dependência química.

O diretor da Seap, David Cruz, explica que os trabalhos começaram em maio, no Centro Pop, e em junho, na PCJ.

“Atendemos a uma solicitação da Secretaria de Assistência Social para levar as hortas para alguns espaços onde ela desenvolve atividades. Chamamos de hortas sociais, para diferenciar das hortas comunitárias e das que são cultivadas em unidades de ensino”.

Além do Centro Pop e da PCJ, estão sendo mantidas hortas sociais nos seguintes locais: Comitê de Saúde do Idoso, em Jacaraípe; Clube da 3ª Idade, em Eldorado; Projeto 3m, da Rede Aica, em Planalto Serrano; Projeto Jesus Menino Sementes, em Jacaraípe; e Projeto Lar Sementes, em Balneário Carapebus.

O engenheiro agrônomo Clóvis do Carmo, da Seap, explica que antes da semeadura ou do plantio das mudas há todo um trabalho técnico de preparo.

“Fazemos a escarificação do solo, adubação com matéria orgânica e correção do solo com emprego de calcário”.

Ele lembra que os assistidos pelo Centro Pop e pacientes do PCJ atuam na horta não só no plantio, manutenção e colheita, mas sim desde o início, na fase de montagem dos canteiros.

Hortas comunitárias

No momento, a Prefeitura da Serra está atuando em 18 hortas, das quais sete são hortas sociais, outras sete são hortas educativas, localizadas em unidades de ensino, e quatro são hortas comunitárias em terrenos onde no passado havia descarte irregular de entulhos.

“A criação destas hortas foi uma determinação do prefeito Sérgio Vidigal. Começamos no início da gestão e já colhemos, literalmente, os resultados. A Serra já é o município com maior número de hortas comunitárias na Grande Vitória e pretendemos aumentar este número”, destaca David Cruz.

Fonte:

http://www.serra.es.gov.br/site

Alfredo Chaves realiza Festa da Banana e do Leite e Feira do Agronegócio | 25/7

Tags

COMPARTILHE:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on whatsapp
Don Oleari - Editor Chefão

Don Oleari - Editor Chefão

Radialista, Jornalista, Publicitário.
Don Oleari Corporeitcham