João Neiva/ES: Rick Rodrigues abre exposição a céu aberto em nesta terça, 26

joão neiva/ES

João Neiva/ES

O novo trabalho de Rick Rodrigues levará extensa programação de artes visuais a partir de terça-feira (26) ao município.

Depois de meses criando obras e elaborando conceitos para seu novo projeto, Rick Rodrigues transforma a cidade de João Neiva num museu a céu aberto. Em sua nova exposição, “Permitir o Afeto”, que estreia na próxima terça-feira (26), o artista pretende criar um movimento na cidade e ativar diversos espaços ao mesmo tempo, todos conectados por suas linhas da costura.

Utilizando diversos suportes, Rodrigues apresenta desde reproduções fotográficas de suas obras em dispositivos de outdoors até séries originais que têm como temas a própria cidade de João Neiva e as memórias afetivas do autor. Também integram o projeto instalações bordadas em grandes placas de acrílico, trabalhos que resultaram de oficinas que ele aplicou em escolas e projetos sociais do município e uma obra interativa, na qual os espectadores poderão criar seus próprios bordados.

 rick-rodrigues-joao-neiva-1.pngFruto de uma pesquisa poética, na qual a linguagem do bordado é o fio condutor, “Permitir o afeto” foi selecionado no Edital 20/2020 – Seleção de Projetos Culturais Setoriais de Artes Visuais realizado pelo Governo do Estado do ES, por meio da Secretaria da Cultura (Secult), no eixo temático Projetos de formação, pesquisa, intercâmbio, registro e memória.

“Permitir o afeto” se materializa, por meio de intervenções urbanas com outdoors, obras criadas para pontos de ônibus, obras interativas na Praça Nossa Senhora do Líbano (Praça da Igreja Matriz), exposição em espaços independentes (Sede do Coletivo Abá Tyba e Confabulando) e uma mostra no Centro Cultural e Museu Ferroviário “Professor Eliezer Pereira Ramos”.

Ao levar os resultados de sua pesquisa e da execução do projeto a diversos pontos da cidade, Rick Rodrigues torna público não apenas suas obras, mas também reflexões geradas a partir delas, evocando memória, afetos e sonhos.

Além dos produtos artísticos expositivos, há um programa de atividades educativas que incluem rodas de conversa com o artista, oficinas de desenho e bordado experimental, e encontros de formação em arte contemporânea para educadores da Rede Municipal, parceria firmada com a Secretaria Municipal de Educação de João Neiva (SEMED).

Para o artista, o bordado é uma das linguagens mais afetuosas. “É pela costura com pontos variados e suportes que vão desde tecidos a papelões que me comunico. Acredito que não exista alguém que não tenha uma história ou lembrança com essa técnica. Pode remeter a um paninho familiar guardado na gaveta ou na memória afetiva, a uma cena de alguém bordando em casa ou na vizinhança, ou o que estamos vestindo agora”, afirma.

Também é possível conferir a exposição no site do artista (www.rickrodrigues.com). Em sua galeria virtual, Rick Rodrigues compartilha obras com detalhes e descrição de aspectos formais e poéticos, catálogo virtual, textos, material educativo e vídeos.

A experiência digital também contempla podcasts com entrevistas e com textos lidos por convidados, depoimentos e fichas técnicas detalhadas. Para que o visitante se sinta ainda mais imerso no projeto, é possível ouvir a playlist do artista, com músicas e poesias que fazem parte de seu processo criativo.

SOBRE O ARTISTA:

Cria do CB, o bairro Crubixá, em João Neiva (ES), Rick Rodrigues (1988) é artista plástico passarinho e mestre em Artes pela Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes). Sua pesquisa explora o espaço da intimidade, do devaneio, da imensidão e da sensibilidade compreendidos por meio da fenomenologia poética da casa, da morada como proteção e como espaço de habitação.

Ele trabalha com séries de desenhos, gravuras, bordados, objetos e pequenas instalações. Rick Rodrigues integra o grupo Almofadinhas, também formado pelos artistas Fábio Carvalho (RJ) e Rodrigo Mogiz (MG), que se dedica ao território do sensível e do delicado, utilizando o bordado para elaborar suas obras, enfatizando memória, gênero, afetividade e sexualidade.

O artista apresentou diversas exposições individuais e participou de mais de 50 exposições coletivas. Rick também participou das residências artísticas “Sesc Artes Vertentes”, na 10ª Edição do Festival Artes Vertentes, em Tiradentes/MG; “Residência 8” na OÁ Galeria, em Vitória (ES), ambas em 2021; Programa “Territórios”, do Sesc Teresópolis (RJ), no ano de 2019; e Programa “Casa B”, do Museu Bispo do Rosário Arte Contemporânea mBrac, Colônia Juliano Moreira, em Jacarepaguá (RJ), em 2018.

O artista também foi premiado por suas séries de desenhos e bordados no Salão Nacional de Artes Sobre Papel, em São Paulo (SP), em 2020; na TRASH Incubadora de Artistas, em Atibaia (SP), no ano de 2018; e no 44º Salão de Arte Contemporânea Luiz Sacilotto, em Santo André (SP), em 2016.

As obras de Rick Rodrigues contemplam diversos acervos institucionais, como Museu de Arte do Espírito Santo Dionísio Del Santo, Galeria de Arte Espaço Universitário e Galeria Homero Massena, em Vitória (ES); Memorial Fundação Cristiano Varella, em Muriaé (MG); Galeria de Arte Ibeu, no Rio de Janeiro (RJ); Casa do Olhar Luiz Sacilotto, em Santo André (SP); e Museu da Diversidade Sexual, em São Paulo (SP). Além deles, o artista também tem obras em coleções particulares nacionais e internacionais.

Em Vitória, Rick Rodrigues é representado pela OÁ Galeria.

SERVIÇO

Projeto “Permitir o afeto”, do artista plástico Rick Rodrigues

26 de abril a 27 de maio de 2022.

Como ver:

Em diversos pontos da cidade de João Neiva/ES

E também no site de Rick Rodrigues – www.rickrodrigues.com

Visitação gratuita.

Projeto contemplado pelo Edital 20/2020 – Seleção de Projetos Culturais Setoriais de Artes Visuais realizados pela Secult, desenvolvido com recursos do Fundo de Cultura do Espírito Santo (Funcultura).

João Neiva/ES

Operadora de internet, telefonia e TV, Loga inscreve para curso gratuito em redes de internet | 22/4

João Neiva/ES

João Neiva/ES

João Neiva/ES

João Neiva/ES

João Neiva/ES

COMPARTILHE:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on whatsapp
Don Oleari - Editor Chefão

Don Oleari - Editor Chefão

Radialista, Jornalista, Publicitário.
Don Oleari Corporeitcham