Quem somos[email protected]

Search

Festa da resistência dos povos indígenas tem início nesta sexta-feira, 19, em Aracruz/ES

resistência

Resistência

A partir desta sexta-feira, 19, até domingo, 21, será realizada a Festa da Resistência Indígena 2024, na aldeia Caieiras Velha, no município de Aracruz/ES.

Com o tema “Xe Taba i porang, xe anama turusú“, o evento representa um ato de celebração à cultura e à luta dos Tupinikim e Guarani no Espírito Santo.

Durante os três dias de duração, o evento vai contar com demonstrações culturais por meio de danças, cantos, artesanatos e exposições que destacam as lutas e conquistas dessas populações.

Além disso, líderes comunitários discutem os desafios enfrentados, incluindo ameaças legislativas aos direitos territoriais dos indígenas.

As atividades incluem jogos tradicionais indígenas, com competições de campeonato de arco e flecha, corrida de tora, luta corporal, arremesso de lança, cabo de guerra, entre outros.

A festa também contará com apresentações escolares e oficinas de artesanato e pintura corporal.

“A Festa da Resistência é um momento de encontro e reflexão, de trazer à memória das lutas, vivências, conquistas e desafios que ainda persistem e afirmar que os povos Indígenas existem”, destacou Jocelino da Silveira (cujo nome em Tupi é Ka’arondara), coordenador de planejamento do projeto.

A festividade foi viabilizada com recursos da Lei Paulo Gustavo, por meio de editais da Secretaria da Cultura (Secult).

Programação:

19/4 (sexta-feira)

8h – Abertura da feira e café da manhã

9h30 – Apresentações Culturais

10h – Apresentações das escolas

14h – Oficinas

16h – Apresentações culturais

19h – Desfile garoto a garota indígena

19h30 – Noite cultural

22h – Shows com Kaymuã e Jhow Queiroz

 

20/4 (sábado)

9h30 – Apresentações Culturais

10h30 – Roda de conversa

13h30 – Início dos jogos tradicionais

17h – Apresentações culturais

19h: Show de calouros

21h – Shows com Carlinhos Rick, Clécio Meies e Garotão do garotão do forró

 

21/4 (domingo)

9h- Apresentações Culturais

12h – Almoço coletivo (comunidade)

14h – Final dos jogos

16h – Apresentações culturais

19h – Desfile garoto a garota indígena

19h30 – Premiações

22h – Programação reservada para igrejas

Resistência

Edição, Don Oleari – [email protected] | https://twitter.com/donoleari 

http://www.facebook.com/oswaldo.oleariouoleare –

Com informações da Assessoria de Imprensa da Secult/ES

PERFIL | Eder Amaro: pastor, professor e empreendedor

Renato Fischer | Assim caminha a humanidade

Aqui Jardim Camburi | Prefeito Lorenzo Pazolini inaugura cobertura da quadra esportiva da Praça Nilze Mendes

Coluna Xeque Mate | Paulo Cesar Vieira: o Xadrez mudou minha vida | Estreia da Coluna dedicada ao Rei, Rainha, Peão

Luiz Felipe Bazzo, CEO do transferbank: Fechamento de mercado | O dólar, a bolsa…ou a vida!

Picture of Don Oleari - Editor Chefão

Don Oleari - Editor Chefão

Radialista, Jornalista, Publicitário.
Don Oleari Corporeitcham

Posts Relacionados

A Bicharada do Don Oleari.