Search

Coluna Aqui Vila Velha | V. Velha criou 3.491 negócios novos dos 20.532 criados pelo Espírito Santo em 2023

negócios novos

negócios novos

Vila Velha contribuiu com 17% de todas as empresas abertas no Espírito Santo em 2023

Coluna

AQUI VILA VELHA | ES

Redação: Don Oleari

Os dados foram revelados pelo Instituto Jones dos Santos Neves: dos 20.532 novos empreendimentos abertos em 2023 no estado do Espírito Santo, Vila Velha entrou com 3.941 novos negócios. Isto é, 17 % do total, num cenário em que o Estado registrou expressivo aumento de 5,21% em relação ao ano de 2022.

Segundo os dados do IJSN, em 2022, o ES emplacou 19.514 novos negócios. Os números de 2023 registram média de 57 empreendedores novos a cada dia no Espírito Santo, um pico nos últimos dez anos.

O secretário de Desenvolvimento Econômico de Vila Velha, Everaldo Colodetti, afirma que uma das razões para esse êxito foi a desburocratização, que trouxe agilidade na abertura de uma empresa:

“Desde a consulta de viabilidade até a obtenção do CNPJ para iniciar as operações de uma nova empresa em Vila Velha, conseguimos reduzir o prazo para nove horas”, que é um resultado e tanto, disse Colodetti.

“Por isso, o município de Vila Velha é líder absoluto na Região Sudeste, de acordo com o ranking da Redesim, que é a Rede Nacional para a Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios”, completou o secretário de Desenvolvimento Econômico.

Mais de 82 mil empregos

Everaldo-Colodetti-1-1-1.jpg 30 de março de 2023 19 KB
Everaldo Colodetti

Everaldo Colodetti ressalta que Vila Velha abriga um ecossistema próspero de empreendimentos, que seguem em pleno funcionamento:

“São 55.348 empresas de pequeno e médio portes que geram um total de 82.697 empregos no mercado municipal. Esses pequenos e médios estabelecimentos respondem por 62% de todos os postos de trabalho existentes em Vila Velha: um percentual que supera até mesmo as médias do Estado do ES, com 58% e do Brasil, com 52%”, anotou o secretário.

Empresas por setor

Estudos mostram que em 2023, o cenário econômico de Vila Velha foi caracterizado por uma grande diversidade nos diversos segmentos, que registraram os seguintes números:

Serviços, 41.750 estabelecimentos

Comércio, 13.919 estabelecimentos

Indústria, 4.152 estabelecimentos

Construção, 3.445 estabelecimentos.

De acordo com os dados, o comércio varejista de artigos de vestuário e acessórios liderou o empreendedorismo em Vila Velha. O setor conquistou o 1º lugar no ES com a abertura de 7.569 empresas em 2023.

A promoção de vendas seguiu de perto, contribuindo com a abertura de 6.891 empreendimentos, enquanto o comércio varejista de bebidas registrou mais 5.066 novas empresas. Com este desempenho, Vila Velha também liderou o ranking de geração de empregos no Espírito Santo por dois anos seguidos.

Melhor ambiente de negócios do ES

O crescimento do número de empresas em Vila Velha em 2023 foi impulsionado pela confiança na gestão, redução da burocracia e simplificação dos procedimentos para a abertura de novos empreendimentos, o que garantiu a Vila Velha a vantagem de oferecer o melhor ambiente de negócios do Estado.

Esse virtuoso ciclo de desenvolvimento inaugurado pela gestão do Prefeito Arnaldinho Borgo fortalece o ramo empresarial local, contribui para a geração de empregos, o aumento da renda e, consequentemente, o incremento na arrecadação municipal.

Esses fatores redundam na ampliação dos investimentos no município, o que, por sua vez, contribui para melhorar a qualidade da prestação de bons serviços públicos à sua população e aos turistas, que sempre foi o foco do prefeito.

 Simplifica ES

danielle-de-deus-vv.jpg
20 de janeiro de 2024
31 KB
danielle de deus

A Diretora da Vila do Empreendedor de Vila Velha, Danielle de Deus, destaca duas razões cruciais para o crescimento no número de empresas no município e no Estado:

“Assim como qualquer outro município do ES, Vila Velha está finalizando a integração total ao único canal de abertura de empresas no Estado (Simplifica ES). Além disso também estamos cumprindo o Decreto 371/2021 que, em consonância ao Decreto Estadual nº 5183-R, reduziu a burocracia para atividades econômicas de baixo potencial de risco, proporcionando maior rapidez e eficiência aos processos de abertura de novas empresas em Vila Velha”, comentou.

Com isso, segundo Danielle de Deus, mais de 8 mil novas empresas foram beneficiadas por esse decreto, que dispensou a necessidade de autorização legal para 750 das 1.332 atividades listadas pela CNAE – Classificação Nacional de Atividades Econômicas.

Maior número de MEIs do ES

 a-logo-vila-do-empreendedor.jpg 20 de janeiro de 2024 15 KB

Vila Velha também está no topo da lista dos municípios do ES com maior número de registros de “Microempreende   dor Individual” (MEI), destaca Danielle de Deus. Ao todo, o município possui 53.504 MEIs ativos, enquanto o Estado do ES possui 341 mil:

“A quantidade de empreendedores legalizados, devidamente constituídos e em funcionamento no município, estimula fortemente os negócios formais em Vila Velha. Com o CNPJ regular, o microempreendedor individual passa a contar com benefícios, como os previdenciários, inclusos na contribuição mensal (DAS). Com um número tão expressivo a Secretaria de Desenvolvimento Econômico possui um atendimento voltado especialmente para os MEIS, na Vila do Empreendedor. Através de parcerias a Prefeitura de Vila Velha proporciona aos MEIs toda assessoria e atendimento necessário para funcionamento e orientação, além da possibilidade de capacitação através de palestras, cursos e consultorias”, ressalta Danielle.

Empreendedorismo

Em 2023, Vila Velha emergiu como centro do empreendedorismo e do desenvolvimento econômico do Espírito Santo. Os avanços, conquistas e credenciais obtidos pela gestão do prefeito Arnaldinho Borgo comprovam que o município se tornou um destino definitivo para novos investimentos e empreendimentos.

A atual gestão municipal também transformou a cultura empreendedora de Vila Velha. Em 2021, o município obteve uma nota modesta de 4,8 pontos no índice do Sebrae de “Cidade Empreendedora”. Em 2022, houve um avanço importante e a cidade passou para 8,2 pontos.

Em 2023, com a aprovação de leis importantes e com a desburocratização dos procedimentos administrativos, Vila Velha chegou à nota de 9,6. Ou seja, registrou um crescimento de 100% na pontuação.

Vila Velha conquistou o título de melhor município para se empreender, um testemunho do excelente ambiente de negócios que foi construído na atual gestão.

O município também assegurou a 29ª posição no prestigioso ranking nacional das melhores cidades do Brasil para se empreender, de acordo com o “Índice de Cidades Empreendedoras (ICE) de 2023”, divulgado pela Enap – Escola Nacional de Administração Pública.

negócios novos

Edição, Don Oleari – [email protected]

https://www.facebook.com/oswaldo.oleariouolearehttps://twitter.com/donoleari

Com Cláudio Figueiredo

Elian Ramile firma parceria com empresa paulistana Open Educação, atendendo gestores do alto escalão da empresa angolana Sonils | 17/1

Falhas da EDP | Lastenio Cardoso: “Baixo Guandu tem sofrido muito com falhas no fornecimento de energia da EDP” | 19/1

A bolsa ou o dólar | Fechamento de mercado | por Luiz Felipe Bazzo, CEO do transferbank | 19/1

Estreia Coluna AQUI BAIXO GUANDU | PBG recebe caminhões dos Bombeiros | Niver de Vice Patrick | Mais um na PM K9 | 16/1

Filipe Luís, ídolo do Fla, assume como treinador na categoria sub-17, base do Flamengo

COMPARTILHE:

Don Oleari - Editor Chefão

Don Oleari - Editor Chefão

Radialista, Jornalista, Publicitário.
Don Oleari Corporeitcham

Posts Relacionados