Quem somos[email protected]

Search

Apreciadores de vinho celebram Dia Internacional da Sauvignon Blanc na primeira sexta-feira de maio

sauvignon blanc

Sauvignon Blanc

COLUNA MEU VINHO MINHA VIDA

Don-Oleari.jpeg 20 de novembro de 2023 20 KB
Don Oleari, “engólogo”

Don Oleari

Vinhos refrescantes e deliciosos? Enófilos ou apreciadores degustam vinhos da sauvignon blanc com notas de frutas cítricas

Sommelière Marina Bufarah de Souza, da Wine, ensina como harmonizar vinhos da Sauvignon Blanc e em quais regiões produzem os rótulos mais célebres.

Os enólogos e apreciadores dessa uva celebram o Dia Internacional do Sauvignon Blanc na primeira sexta-feira de maio, neste ano no terceiro dia do mês.

“Os vinhos elaborados com esta variedade de uva são conhecidos por sua vibrante acidez, aromas intensos e notas refrescantes que remetem a frutas cítricas, maracujá e ervas frescas”, conta Marina Bufarah de Souza, sommelière da Wine, o maior clube de assinatura de vinhos do mundo.

Marina-Bufarah-de-Souza-1.jpg 7 de julho de 2023 18 KB
Marina Bufarah de Souza

De corpo leve, aromas expressivos e frescor particular, a casta se encaixa perfeitamente no clima tropical brasileiro.

A variedade é originária de Bordeaux, no sudoeste da França, onde se elaboram alguns dos mais conhecidos vinhos secos e doces.

Atualmente, os melhores exemplares franceses de Sauvignon Blanc vêm do Vale do Loire, no noroeste do país, com as renomadas Pouilly-Fumé e Sancerre.

Trata-se de uma casta bastante elegante e de fácil adaptação, o que faz dela uma das uvas mais plantadas ao redor do globo.

Além da França, também é muito cultivada no norte da Itália e no Novo Mundo. Se adaptou muito bem nos Estados Unidos, Chile, África do Sul e Argentina.

Na Nova Zelândia  estrão alguns dos melhores e mais exuberantes vinhos de Sauvignon Blanc do mundo.

O perfil dos seus vinhos pode variar, dependendo do clima. Os exemplares produzidos em climas mais frios tendem a ter acidez vibrante, com notas herbáceas, cítricas e florais, enquanto os elaborados em climas mais quentes podem desenvolver notas de frutas tropicais.

No geral, em vinhos jovens, seus principais sabores são maçã verde, limão, maracujá e pêssego. Alguns poucos exemplares podem ser envelhecidos em barricas de carvalho, originando vinhos mais sérios e amendoados.

“O Sauvignon blanc é considerado um dos vinhos brancos mais amigáveis à comida e combina bem com peixes, frutos do mar, aves como frango e peru, saladas frescas e queijos como de Cabra, Brie e Gruyère. Uma dica certeira é combiná-lo com a culinária japonesa, indiana e tailandesa”, explica a especialista.

Uma boa sugestão de degustação é o T.H. [Terroir Hunter] Valle de Leyda Sauvignon Blanc 2021, da vinícola Undurraga, que exibe todo o potencial desta uva num terroir costeiro do Chile, uma região de clima frio que traz muito frescor, combinado a notas de lima, pimentão verde e toques minerais, explica a somelière.

O rótulo passa por seis meses sobre suas borras, que são partículas sólidas da bebida, o que soma em complexidade aromática e agrega maior volume à boca.

https://www.wine.com.br/vinhos/t-h—terroir-hunter–valle-de-leyda-sauvignon-blanc-2021/prod28425.html

No hemisfério norte, a uva se destaca na Califórnia, Estados Unidos, região que elabora o exemplar Dark Horse Sauvignon Blanc 2020. Neste rótulo,  notam-se os aromas tropicais, como maracujá e um toque de pimenta jalapeño, num vinho que expressa liberdade e ousadia.

Um fator interessante é que os vinhos Dark Horse pertencem à Gallo, o maior grupo vitivinícola do planeta, reconhecido pela qualidade expressiva e pelas práticas sustentáveis e de preservação da natureza

https://www.wine.com.br/vinhos/dark-horse-sauvignon-blanc-2020/prod27065.html

Além dos vinhos tradicionalmente secos, essa casta origina incríveis vinhos doces, que equilibram perfeitamente frescor e doçura, sem se tornarem demasiado enjoativos.

Nesse perfil, uma boa indicação é o argentino Portillo Valle de Uco Sauvignon Blanc Dulce Natural 2022, uma versão aromática e refrescante, com notas de toranja e pêssego, que combinam com momentos leves e descontraídos, petiscos e sobremesas com frutas, além de ser adequado para veganos.

Com vinhedos a mais de mil metros de altitude, a vinícola no Vale do Uco trabalha apenas com gravidade, com foco no manejo delicado da fruta, para obtenção de sua máxima expressão neste terroir.

https://www.wine.com.br/vinhos/portillo-valle-de-uco-sauvignon-blanc-dulce-natural-2022/prod29137.html

Sauvignon Blanc

Edição, Don Oleari – [email protected] | https://twitter.com/donoleari

http://www.facebook.com/oswaldo.oleariouoleare

Cm Bruno Costa

Sportotal ! Terceira fase da Copa do Brasil 2024 começa nesta terça e vai até quinta

Mídia ao Molho | Uma peça muito ruim do pré Vellozo Lucas: mistureba de breganejo universitário com Inteligência Artificial

Secretária Jacqueline Moraes visita Baixo Guandu para implementar programas de políticas para as Mulheres

Comissão de Saúde da AL/ES discute desativação de “manicômio judiciário

Meu Vinho Minha Vida | Churrasco com vinho? Thamirys Schneider, Sommelière da Wine, fala sobre boas combinações

COMPARTILHE:

Picture of Don Oleari - Editor Chefão

Don Oleari - Editor Chefão

Radialista, Jornalista, Publicitário.
Don Oleari Corporeitcham

Posts Relacionados

A Bicharada do Don Oleari.