Quem somos[email protected]

Search

Aqui Vila Velha | Geração de empregos no município é a maior do Estado

emprego

Emprego

Depois de se destacar entre os 78 municípios capixabas, por dois anos seguidos, como a cidade que mais gerou novos empregos no mercado formal do Espírito Santo, Vila Velha segue no topo do ranking, como líder em criação de novas vagas de trabalho no estado, também em 2024.

COLUNA AQUI VILA VELHA | Grande Vit/ES

Redação: Don Oleari PN

De acordo com registros do CAGED – Cadastro Geral de Empregados e Desempregados, do Ministério do Trabalho e Emprego, Vila Velha criou, em janeiro de 2024, o total de 1.001 novas vagas de empregos formais, na cidade.

Este número supera o desempenho obtido por Vitória (com 618 vagas) e pela Serra (com 583), no mesmo período.

Os dados do CAGED revelam ainda que, sozinha, Vila Velha respondeu por um total de 28% dos 3.600 novos postos de trabalho criados em todos os municípios do Espírito Santo, no primeiro mês deste ano.

O saldo de 1.001 empregos registrados no mercado formal de Vila Velha, em janeiro de 2024, comprova que houve mais contratações do que demissões neste período: foram 6.621 admissões e 5.620 desligamentos.

Para o prefeito Arnaldinho Borgo os dados reforçam o novo ambiente de negócios de Vila Velha, que cada vez mais tem atraído investimentos, empresas, motivação econômica para expansão industrial, comercial e de empreendimentos individuais.

“Esse também é um indicativo seguro de que novos empreendimentos podem vir para nossa cidade. Mão de obra qualificada temos, assim como política pública de incentivo e desburocratização”, garantiu o prefeito.

Recorde no estoque de empregos

O resultado conquistado por Vila Velha resultou em um recorde de empregos na cidade, onde o estoque chegou a 112.932 trabalhadores empregados em janeiro de 2024.

O número é o maior da história de Vila Velha, desde que o Novo Caged foi implantado, em substituição ao Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas (eSocial) das empresas.

No início da atual gestão, o estoque de empregos em Vila Velha era de 96.151.

Já em janeiro de 2022, este número subiu para 102.197, e um ano depois, em janeiro de 2023, chegou a 107.203.

Em janeiro de 2024, o mercado de trabalho canela-verde deu um novo salto e registrou um estoque de 112.932 empregos, o que representa um aumento de 5.729 novos postos de trabalho em relação ao mesmo período do ano anterior.

Dados por setor

Majoritariamente, as novas vagas criadas em Vila Velha foram provenientes do setor de serviços, que gerou mais 1.038 empregos na cidade e hoje emprega um total de 61.612 trabalhadores com carteira assinada, com destaque para a área de saúde.

Outros setores produtivos também se destacaram na geração de empregos em Vila Velha. O comércio reponde atualmente por 31.136 postos de trabalho na cidade.

Em seguida, vem a indústria, com mais 12.636 empregos, e depois, a construção civil, que emprega 7.416 trabalhadores em Vila Velha.

Já as atividades agropecuárias – realizadas, em sua maioria, por pequenos produtores da agricultura familiar –, geram outros 132 empregos formais no município.

Município concentra 17% das empresas abertas no ES

Em 2023, o município de Vila Velha consolidou sua posição como um destacado polo de empreendedorismo no Espírito Santo, respondendo sozinho por 17% de todas as novas empresas estabelecidas no Estado, considerando os 78 municípios capixabas.

Atualmente, o tempo médio total para a abertura de empresa em Vila Velha é inferior a 9 horas.

Isso posiciona o município como líder na Região Sudeste, de acordo com o ranking da Rede Nacional para a Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios – Redesim.

Comércio ainda reúne maior número de novas empresas

O comércio varejista de artigos de vestuário e acessórios liderou o empreendedorismo em Vila Velha, conquistando o 1º lugar no Estado com a abertura de 7.569 novas empresas.

A promoção de vendas seguiu de perto, contribuindo com a abertura de 6.891 empreendimentos, enquanto o comércio varejista de bebidas registrou o estabelecimento de mais 5.066 novas empresas.

Em Vila Velha, o cenário econômico tem sido caracterizado por uma grande diversidade e o setor de serviços ainda conta com maior participação no mercado local, com 41.750 estabelecimentos em funcionamento.

Em seguida, vêm os setores de comércio, com 13.919 estabelecimentos; da indústria, com 4.152 estabelecimentos; e de construção, com 3.445 estabelecimentos.

Atividades econômicas de baixo risco

A secretária Municipal de Finanças, Adinalva Prates, elencou duas razões cruciais para o crescimento no número de novos empreendimentos e de empresas em funcionamento em Vila Velha e no Espírito Santo:

“Os municípios capixabas também receberam ajuda do Governo do Estado, que simplificou e integrou seu sistema, liberando atividades econômicas de baixo potencial de risco e proporcionando maior rapidez e eficiência aos processos de abertura de novas empresas”.

A secretária ressalta, ainda, que mais de 8 mil empreendimentos foram beneficiados por esse decreto, que dispensou a necessidade de autorização legal para 620 das 1.332 atividades listadas na Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE).

“Em Vila Velha, fizemos o mesmo, por meio de Lei Municipal que liberou mais de 750 atividades econômicas da obrigação de obter licenciamento ambiental para conseguir alvará de funcionamento”, registrou.

Maior número de MEIs do Estado

Vila Velha também está no topo da lista dos municípios capixabas com maior número de registros de “Microempreendedor Individual” (MEI). Ao todo, a cidade possui, sozinha, 53.504 MEIs ativos, enquanto o Estado possui 341 mil.

A quantidade de empreendedores legalizados, devidamente constituídos e em funcionamento na cidade, estimula fortemente os negócios formais em Vila Velha. Com o CNPJ regular, o microempreendedor individual passa a contar com vários benefícios.

Por ser a cidade que mais incentiva o empreendedorismo no Estado, Vila Velha foi premiada pelo Sebrae ES com o título de “Cidade Empreendedora”, em 2023.

Ainda em 2023, os avanços, conquistas e credenciais comprovaram que o município realmente tornou-se um destino definitivo e seguro para novos investimentos e empreendimentos.  A atual gestão transformou a cultura empreendedora de Vila Velha.

Prova disso é que, em 2021, o município obteve uma nota modesta de 4,8 pontos no índice do Sebrae de “Cidades Empreendedoras” no Estado.

Em 2022, houve um avanço importante e Vila Velha passou para 8,2 pontos. E em 2023 – após a aprovação de leis importantes e com a desburocratização dos procedimentos administrativos –, a cidade chegou à nota de 9,6.

Ou seja, registrou um crescimento de 100% nesta pontuação.

Pequenos negócios em destaque

Vila Velha abriga um ecossistema próspero de empresas em funcionamento. Atualmente, a cidade abriga 55.348 empreendimentos  de pequeno e médio portes.

Juntas, essas empresas geram 82.697 empregos no mercado local, o equivalente a 62% de todos os postos de trabalho existentes no município. Este percentual supera até mesmo as médias do Estado (58%) e também do Brasil (52%).

Esta transformação resulta da excelente performance de Vila Velha na área do empreendedorismo.

Não foi por acaso que a cidade conquistou o título de “melhor município capixaba para se empreender e o 29º do Brasil, de acordo com o “Índice de Cidades Empreendedoras (ICE) de 2023, divulgado pela Escola Nacional de Administração Pública (Enap).

Emprego

Edição, Don Oleari – [email protected] – e Regina Trindade

http://www.facebook.com/oswaldo.oleariouoleare – https://twitter.com/donoleari

Com informações de José Claudio Cruz Figueiredo

Vila Velha lidera importação de veículos sustentáveis no país, movimentando US$ 1,2 bilhão em 2023

Eleições de 2024 e 2026 já começaram no município da Serra com candidato a prefeito, a governador e senador

​Pneus usados podem ser descartados em ecoponto em Vila Velha/ES

Golpe 64 | Alexandre Caetano | 3 de abril de 1964: Correio da Manhã, que apoiou golpe, protesta contra ataque à Última hora dia 2

José Coco Fontan | Boca de urna: candidaturas e campanhas em 14 municípios das Montanhas do ES

COMPARTILHE:

Picture of Don Oleari - Editor Chefão

Don Oleari - Editor Chefão

Radialista, Jornalista, Publicitário.
Don Oleari Corporeitcham

Posts Relacionados

A Bicharada do Don Oleari.